dodouro press

28Dez.2007- Desde o início do ano morreram 823 pessoas
De acordo com a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), o número de mortos nas estradas desde o início do ano aumentou para 823, mais 19 pessoas do que em igual período do ano passado. Durante aquele período ficaram ainda feridas com gravidade 56 pessoas e outras 847 sofreram ferimentos ligeiros.
Deus ilumine os nossos governantes e os convença que tais mortes resultam em primeiro lugar do péssimo estado das nossas estradas e em segundo da facilidade com que dão ou vendem as cartas de condução... e que o remédio das multas pesadas ou ... só servem para encher os cofres do Estado...
Que interessam os radares se a maior parte dos acidentes são provocados por quem normalmente anda devagar, mas não sabe conduzir...não sabem qual a faixa de rodagem em que devem circular, não fazem as curvas à mão, não param nos stops, etc.... e então os domingeiros nem falar...
Nunca ninguém reparou que quando numa auto estrada circula um carro da brigada de trânsito provoca logo uma confusão tremenda já que todos abrandam e o trânsito acumula?
Atentem mais no álcool e nos que conduzem mal...muito embora devagar... nos que se julgam condutores, mas nem penduras são.