dodouro press

01Fev.2008 - GNR deteve 3 mulheres por falsa identidade e tentativa de burla
Mulheres detidas estavam referenciadas pelos NIC como tendo agido de forma idêntica em Chaves, Viseu, Aveiro, Barcelos, Santo Tirso e Vila Real O Núcleo de Investigação Criminal de Bragança procedeu à detenção de três mulheres, com idades compreendidas entre os 26 e os 51 anos de idade, por alegadamente se fazerem passar por funcionárias da Segurança Social e por, alegadamente, burlarem pessoas idosas, servindo-se dessa condição.
A detenção ocorreu no transacto dia 24 de Janeiro, depois de um septuagenário ter apresentado queixa no posto da GNR de Vinhais. O homem alegou que as pretensas funcionárias da Segurança Social lhe prometeram alguns “equipamentos e electrodomésticos em troca de dinheiro”.
Ao que parece, as três mulheres identificavam-se como funcionárias da Segurança Social e apresentavam às vítimas (que elas previamente escolhiam) um contrato fictício de aquisição de louças e electrodomésticos, levando os idosos a assinar esses contratos e a pagar o valor que as burlonas exigiam.
De qualquer modo, conforme confirmou o Comandante da GNR do destacamento de Bragança, o NIC está, ainda, a “investigar esses documentos e a recolher provas do modus operandi das mulheres detidas”, sendo que não é possível adiantar mais dados.
Sabe-se que as três mulheres já foram ouvidas pelo Juíz do Tribunal Judicial de Vinhais, na manhã de 25 de Janeiro, mas desconhecem-se quais as medidas de Coacção aplicadas por esta instância judicial.