dodouro press

28Mar.08 - Cada vez mais famílias afogadas pelas dívidas
O número de famílias sobreendividadas no Grande Porto cresceu 114,29% entre 2006 e 2007. Em média, indica a Deco, cada agregado tem até seis créditos bancários, três dos quais associados à habitação, ao crédito pessoal e a um cartão de crédito. Os dados fazem parte do relatório anual da delegação regional do Norte da Deco, que assinalou o Dia do Consumidor com acções no Porto. E revelam que a principal causa do sobreendividamento é a elevada taxa de desemprego existente na região. Como amostra, só em Janeiro deste ano mais de 20 mil indivíduos estavam desempregados no concelho de Vila Nova de Gaia, número que no Porto passava as 12 mil. Uma situação preocupante.