dodouro press

Presidente da República falou ao país e...
As notícias de 30 em 30 minutos referiam: O Presidente da República, Cavaco Silva, interrompe as suas férias, esta quinta-feira, para fazer uma declaração ao País, às 20:00 horas, através da televisão. Uma decisão só justificada por uma razão verdadeiramente importante, segundo um assessor da Presidência.
Os portugueses pararam e deixaram tudo, para ouvir, sendo certo que os mais realistas logo pensaram: Cavaco Silva ouvira falar no Palácio que havia crise, que os portugueses lutavam com dificuldades e muitos passavam mesmo fome...! mas não tinha valorizado convenientemente tal assunto. Eis que vai de férias para o Allgarve e, quando chega à praia, apercebe-se da realidade - as mulheres já nem usavam fato de banho, nem biquini, nem mesmo monoquini, mas um mero fio dental; os homens descalços e grande parte também de fio dental; uns e outros de tal forma agarrados que mais pareciam que a fome era tanta que quase se comiam. Tanto basta para concluir: o País está realmente de tanga! Logo os portugueses realistas convenceram-se que, perante tal visão, o Presidente da Républica  viria comunicar que decretava a falência de Portugal, dissolvia a Assembleia da República , despedia o Governo e nomeava uma Comissão Liquidatária que alguns até chegaram a pensar que, pelo curriculum, seria António Guterres.
Entretanto os sonhadores alvitraram que Cavaco Silva, brincando no areal, teria descoberto um lençol de petróleo e, como tal, vinha comunicar aos portugueses o milagre e as consequências do mesmo: Sócrates não precisava mais de beijar e bajular nem  Eduardo dos Santos, nem Kadafi, nem Hugo Chaves....
Todos ficaram tristes quando afinal as férias no Allgarve tinham feito que Cavaco Silva viesse falar de politiquices, queixar-se que lhe queriam tirar poderes e tudo, para a maioria dos portugueses, em lingua berbere...!