dodouro press

Detenções por burla qualificada e falsificação
A Polícia Judiciária, através da Unidade Local de Investigação Criminal de Vila Real, com a colaboração da Directoria do Norte, identificou e deteve três homens e uma mulher, com idade compreendidas entre os 32 e 35 anos, pela presumível autoria de vários crimes de burla qualificada e falsificação de documentos, cometidos de forma sucessiva nas zonas de Chaves, Guimarães, Marco de Canaveses, Vila Nova de Famalicão e Vila Real.
A acção criminosa dos detidos consistia na aquisição fraudulenta de viaturas de gama média alta, à venda em estabelecimentos comerciais, mediante a utilização de cheques furtados e posteriormente falsificados, utilizando pessoas conhecidas dos lesados como intermediários.
No decurso da investigação, que se revelou complexa, foram apreendidas três viaturas, duas motos de alta cilindrada, uma arma de fogo proibida (caneta-pistola, de calibre 22), bem como diversa documentação e objectivos relacionados com a prática dos crimes.
Os detidos, sem profissão definida, depois de interrogados judicialmente, ficaram a aguardar os ulteriores termos do processo, três deles sujeitos à medida de coação de apresentação periódica às autoridades e o quarto mediante prestação de termo de identidade e residência.