dodouro press

Dia Mundial do Glaucoma celebra-se a 12 de Março
Diagnóstico rigoroso para melhor controlo do glaucoma No âmbito do Dia Mundial do Glaucoma que se celebra a 12 de Março, o hospitalcuf infante santo alerta para as medidas essenciais de prevenção desta doença.
O glaucoma é uma doença que requer vigilância apertada e é uma das principais causas de cegueira irreversível.
Luis Gouveia Andrade, médico oftalmologista do hospitalcuf infante santo, salienta que "a causa mais comum do glaucoma é a degenerativa, relacionada com a idade, e resulta de um obstáculo na normal circulação dos fluidos que existem no interior do globo ocular. A sua crescente acumulação determina um aumento da tensão no interior do olho e consequentemente a compressão e morte das células nervosas responsáveis pela visão."
Esta doença silenciosa felizmente é benigna, se detectada a tempo. "Existem actualmente inúmeras opções terapêuticas para a doença, sob a forma de colírios, laser ou cirurgia.
O tratamento inicial recorre a colírios que reduzem a tensão ocular, uma gota por dia, e que na maioria dos casos, permitem um controlo adequado do glaucoma", explica o médico oftalmologista.
O diagnóstico do glaucoma é essencialmente clínico, uma vez que cabe ao médico aferir a tensão ocular, um dos principais elementos para a detecção desta condição. O diagnóstico precoce e rigoroso é, de facto, o segredo para o controlo do glaucoma e da maioria das doenças oculares.